Airscout é uma tecnologia norte-americana desenvolvida pelo produtor, piloto e inventor Brian Sutton. Seu trabalho de mais de uma década resultou em um avanço impressionante no cenário das imagens aéreas agrícolas: AirScout Imagens Térmicas.

Brian Sutton notou que quanto mais vulnerável a problemas um cultivo de milho era, mais difícil se tornava a detecção de doenças e infestação de pragas. A chance de intervenção era baixa e a possibilidade de replantar era nula. Essas são algumas das razões pelas quais ele aprendeu a voar aos 13 anos.

Líder em Gestão Proativa de Cultivos

Atualmente, o resultado de seu trabalho é a tecnologia exclusiva AirScout, que entrega o que chamamos de Manejo Proativo de Culturas.

AirScout conta com uma avançada tecnologia de captura de imagens térmicas que medem variações na temperatura das plantas em um determinado campo, que evidencia pontos onde infestações de doenças e pragas estão começando a surgir.

Então, o aplicativo permite que o usuário acompanhe em tempo real o que se passa nos pontos críticos apontados nas imagens, permitindo que os problemas sejam resolvidos antes de se tornarem mais sérios. Imagine as economias que isso te traz no caso de doenças ou pragas.

Criando novos padrões de performance

AirScout é o avanço mais significativo na agricultura de precisão em anos. Ele coloca ferramentas de prescrição e diagnóstico nas mãos do produtor e do agrônomo.

Com avisos de problemas emergentes com semanas de antecedência, e não apenas dias como o NDVI permite, os custos de intervenção e de insumos é reduzido e as safras são maximizadas. Esse é o valor de AirScout, a Ferramenta Proativa de Manejo de Culturas.

Da reação à ação!

AirScout te ajuda a não mais reagir aos efeitos do plantio, mas a agir proativamente em relação a suas plantações, resolvendo problemas antes mesmo do dano surgir.